Print Friendly, PDF & Email

A ACECOA enviou uma carta aberta às três mais altas figuras do Estado (Presidente da República, Secretário Geral da República e Primeiro Ministro), pedindo que na definição das medidas de desconfinamento, seja considerado «o cenário espectável de abertura controlada, englobando todos os setores de atividade, promovendo a oportunidade de retoma igualitária e agregada da economia, sem exceção, e do bem-estar social». Assinada por João D´Oliveira Antunes, presidente, na carta apela-se à tomada «urgente de medidas de reanimação da atividade económica».

Fonte : https://www.portugal.gov.pt/pt/gc22